sexta-feira, 1 de julho de 2016

FEIRA DE SANTANA PRESTA HOMENAGEM AO RADIALISTA LUCÍLIO BASTOS


Lucílio dará nome a núcleo de rádio.
Lucílio dará nome a núcleo de rádio.
O radialista Lucílio Bastos, falecido em fevereiro de 2014, dará seu nome à Divisão de Rádio do Núcleo de Jornalismo da Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Feira de Santana. Itabunense por adoção, inclusive com título de cidadania, Lucílio nasceu em Feira.


Com o seu Falando Francamente, foi um dos mais importantes comunicadores do Estado. Ele atuou no rádio feirense nas décadas de 60 e 70. Lá, na Rádio Cultura. Em 14 de março de 1974, véspera da posse do general Ernesto Geisel na presidência da República, o então deputado federal Chico Pinto concedeu uma entrevista a Bastos e denunciou a ditadura chilena de Augusto Pinochet.

A entrevista foi considerada ofensiva pelas militares brasileiros. Por causa disso, a emissora foi fechada por 11 anos. Chico Pinto, um dos mais vibrantes e corajosos parlamentares que a Bahia já viu, ficou preso por seis meses. Lucílio fez sucesso no rádio itabunense já na década de 80, após mudar para o sul da Bahia e ter programa diário na Rádio Difusora. Nos anos 2000, voltou a ter programa diário na Rádio Nacional de Itabuna (ex-Clube).

– Buscamos homenagear profissionais que foram importantes na trajetória do jornalismo em Feira de Santana, mas ainda não haviam sido lembrados na denominação de equipamentos públicos – disse o secretário municipal de Comunicação, Valdomiro Silva.
Do - Pimentanamuqueca

Nenhum comentário:

Postar um comentário