quarta-feira, 11 de maio de 2016

DELCÍDIO ACUSA RETALIAÇÃO, POR DELATAR SENADORES

CASSAÇÃO
DELCÍDIO ACUSA RETALIAÇÃO, POR DELATAR SENADORES, E 'GANGSTERISMO' DE RENAN
RITO DE CASSAÇÃO FOI CONSPURCADO POR MANOBRA TRAIÇOEIRA, DIZ ELE
Publicado: 10 de maio de 2016 às 23:38 - Atualizado às 00:56
DELCÍDIO AFIRMOU QUE VAI PROCESSAR RENAN CALHEIROS POR OBSTRUIR O RITO E CONSTRANGER SENADORES. (FOTO: BETO BARATA/AG SENADO)

Do - Diário do Poder - Em nota que assinou com seus advogados, o ex-senador Delcídio do Amaral atribui a cassação do seu mandato, na noite desta terça-feira (10), ao “gangsterismo” do presidente do Senado, Renan Calheiros, e a “retaliação” por ele ter se tornado “colaborador da Justiça”.
Delcídio foi cassado 74x0 votos no plenário do Senado. Ele ficou preso por 87 dias na Policia Federal sob a acusação de que teria tentado atrapalhar o andamento das investigações da Operação Lava Jato. Foi solto apos celebrar acordo de delação premiada.
“A maneira açodada com que se precipitou a sessão de cassação do mandato de Delcídio do Amaral, com atropelo de ritos e supressão de garantias, reflete uma retaliação vil à sua condição de colaborador da Justiça”, diz a nota, que também fez críticas a Calheiros. “A liturgia do rito de cassação foi conspurcada por manobra traiçoeira, típica do gangsterismo que intimida pessoas e ameaça instituições, com o espírito revanchista de quem se julga acima da lei e do direito”, diz a nota.
A nota de Delcídio e seus advogados acusou a “preocupação” por parte de quem “pretende se manter nas sombras da impunidade”. E promete mover uma ação contra Renan por “obstruir o procedimento” e “constranger” o Senado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário