sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Professora Carmelita volta a defender mais apoio para a cultura popular

A presidente do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores em Ilhéus, Professora Carmelita, se reuniu na noite desta quinta-feira (03) com o secretário de Cultura do Estado da Bahia, Jorge Portugal, para solicitar mais apoio do Governo para a cultura popular, principalmente para os artistas amadores do interior. De acordo com Professora Carmelita, o interior da Bahia é rico em grandes talentos, mas é preciso fomentar ainda mais a cultura, incentivar as produções artísticas, despertar esses valores e apoiar as produções culturais.

Professora Carmelita elogiou a iniciativa do Governo do Estado da Bahia de lançar, na última terça-feira, o edital do Programa Agitação Cultural: Edital de Dinamização em Espaços Culturais, criado com o objetivo de apoiar propostas de dinamização cultural em espaços públicos. O investimento será de R$ 15 milhões, com recursos do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA), e contemplará ações de qualquer segmento cultural que aconteçam com frequência mínima de uma vez por mês, em um período de três a seis meses, sendo o teto de apoio por proposta de R$ 150 mil.

A reunião com o secretário Jorge Portugal aconteceu na Tenda do Teatro Popular de Ilhéus durante o primeiro encontro do Improviso, Oxente! no mês de setembro. Com o tema central “Cultura e Educação”, o Improviso, Oxente!, evento periódico organizado pelo grupo Teatro Popular de Ilhéus (TPI), contou ainda com a presença do professor Álamo Pimentel, da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e do professor Jules Soares, da Universidade Estadual Santa Cruz (UESC). A mediação ficou por conta do pedagogo, Pawlo Cidade.

Após o relato de experiência dos expositores, também foi aberto o debate sobre a interligação entre a cultura e a educação. Os participantes tiveram a oportunidades de fazer questionamentos sobre a importância da cultura nas mais diversas áreas do conhecimento. Também foram realizadas apresentações culturais. Além disso, os participantes do Improviso, Oxente! receberam ainda um certificado digital, emitido pela Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB).
por Edy Camargo



Nenhum comentário:

Postar um comentário