terça-feira, 4 de agosto de 2015

Prefeitura e Estado definem medida para conter o avanço do mar na zona norte de Ilhéus

A recomposição da barreira de pedras será iniciada assim que for definida a empresa responsável pela obra
Atendendo a solicitação do prefeito Jabes Ribeiro, estiveram em Ilhéus, nesta terça-feira, dia 4, o superintendente da Secretaria de Infraestrutura da Bahia, Saulo Pontes, e o engenheiro marítimo Aleixo Belov, para avaliar a aplicação de medidas emergenciais contra o avanço do mar sobre a orla norte da cidade, especificamente no bairro São Domingos. De acordo com Pontes, o principal objetivo, neste momento, é impedir que a água atinja a BA-001, conhecida como Rodovia Ilhéus-Itacaré, e interrompa o tráfego na região.

Durante a manhã, os representantes do governo do Estado, acompanhados pelos secretários municipais de Infraestrutura, Isaac Albagli, de Meio Ambiente e Urbanismo, Antonio Vieira, de Relações Institucionais, Frederico Vésper, e do superintendente de Obras do município, Derneval Furtunato, visitaram o Bairro São Domingos, onde a maré já destruiu parte do acostamento da rodovia BA 001.
De acordo com o engenheiro Aleixo Belov, um dos mais respeitados da área, em curto prazo, será necessário recompor a barreira de pedras, a fim de diminuir a força com que a onda chega à faixa de areia. O superintendente de Infraestrutura da Bahia, Saulo Pontes, informou que o serviço será iniciado o mais rápido possível, assim que for definida a forma como será refeita a parede de rochas e a empresa que executará a obra.
Avanço - O avanço do mar naquela região de Ilhéus se deve à construção do Porto do Malhado, que resultou no recuo da água na orla central e seu consequente avanço ao norte.  Segundo Saulo Pontes, além da medida emergencial que está sendo providenciada, a Secretaria de Infraestrutura da Bahia e o Ministério da Integração Nacional, por solicitação do prefeito Jabes Ribeiro, já iniciaram os estudos para a construção de novos espigões, que são estruturas utilizadas para diminuir a força das ondas que atingem a costa.
Da Secretaria de Comunicação Social –Ilhéus, 04.08.15

Nenhum comentário:

Postar um comentário