quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

ITAPÉ: CONSTRUTORA ENTRA NA JUSTIÇA E CONCLUSÃO DA BARRAGEM DO COLÔNIA FICA DIFÍCIL


barr

A construtora Andrade Galvão acionou o governo no estado na justiça no imbróglio envolvendo a construção da barragem do rio Colônia, em Itapé. A construtora venceu a licitação em 2013, e pouco mais de três meses após o início, paralisou as obras para exigir correção no valor do contrato.

O governo do estado não aceitou aumentar o valor da obra e cancelou o contrato com a Andrade Galvão, e lançou uma nova licitação para a conclusão da Barragem. Mas por conta da judicialização, nenhuma construtora apareceu nas duas licitações realizada pela Empresa Baiana de Água e Saneamento para a conclusão.

A Andrade Galvão entrou na justiça pedindo a rescisão do contrato, além de indenização no valor de R$ 3.600.000,00 (três milhões e seiscentos mil reais).

Pelo o jeito o governador Rui Costa (PT), terá dificuldade para concluir essa obra, prova disso é que o presidente da Embasa (Empresa Baiana de Água e Saneamento), Abelardo Oliveira, comentou sobre a preocupação em relação a conclusão desta obra.

O presidente tratou do assunto na última quarta-feira durante uma reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente no Estado da Bahia- SINDAE.

castro

Nenhum comentário:

Postar um comentário