Postagem em destaque

Amurc cria fórum de planejamento e finanças dos municípios

Em meio a queda constante na arrecadação dos municípios e o aumento crescente nas despesas, principalmente nas áreas da saúde e educaç...

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

VEJA O POEMA NOITE DE NATAL



Noite de Natal!
                                Antonio Nunes de Souza*

Que fazer de especial
Na noite de Natal,
Que não seja ganhar e dar presentes?
Isso é o que fazem normalmente
Deixando todos contentes
Por ser mais conveniente!

Mas, também tem os jantares maravilhosos
Com perus, porcos, tender gostosos
Vinhos, Whisky e cervejas geladas!
Petiscos bem variados
Muito bem preparados
Coxinhas, pasteis, quibes e empadas!

E depois que enchem as panças
Enveredam pelas danças
Pensando somente em curtir!
Varando pela madrugada
Uma agitação disparada
Parando somente para dormir!

Até a missa do Galo
Já esqueceram de estalo
Pelas suas conveniências!
O nascimento de Jesus menino
Nem se lembram do Santo Pequenino
Apenas seus festejos nas consciências!


Lastimável que assim seja
Tirando toda beleza
De uma festa nada profana!
Transformou-se num festival
As vezes até carnaval
E o povo erra e se engana!

Tenho saudade do meu passado
Que tudo era diferente
Era louvar nosso querido Jesus
Que nos deixava contente!

*Escritor – Membro da Academia Grapiúna de Letras de Itabuna – antoniodaagral26@hotmail.com










Nenhum comentário:

Postar um comentário