Postagem em destaque

PREFEITO ANTONIO DE ANÍSIO SOLICITA REFORÇO POLICIAL PARA ITACARÉ

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, se reuniu nesta quinta-feira com o delegado regional da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia...

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Candidaturas à Presidência da Câmara de Salvador não levam em consideração os interesses populares, afirma Hilton Coelho (PSOL)

Baixe HC_MesaDiretora.jpg (213,9 KB)Diante das articulações que estão em andamento para a composição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Salvador, o vereador Hilton Coelho (PSOL) manifesta sua discordância com o processo e afirma não existir até o momento a menor preocupação com os interesses populares. "Discutem apenas a participação no poder político e o fortalecimento partidário nesta disputa. As reivindicações populares estão fora das candidaturas até então apresentadas. Vamos atuar neste processo da forma que sempre fizemos nos dois anos de mandato, com independência e orientado pelos mesmos princípios programáticos que sempre defendemos. Representamos a oposição de esquerda ao prefeito eleito ACM Neto e não vamos nos aliar agora fingindo não haver divergência", afirma Hilton Coelho.


Hilton Coelho debate no Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) o lançamento de sua candidatura para fortalecer as discussões sobre assuntos polêmicos na Casa. "Queremos mostrar que em Salvador a resistência e oposição ocorrem na Câmara Municipal também. Temos compromisso com os anseios populares e temos uma política clara de esquerda socialista. As demandas de mais de 90% da população de Salvador devem ser priorizadas na Casa e não as ambições dos grandes grupos econômicos e empresariais, verdadeiras organizações criminosas que, inseridas na máquina pública, a orientam, a controlam", enfatiza.

"O PSOL não se confundirá com partidos e pessoas que negociam cargos e posições privilégios junto ao prefeito ACM Neto ou a qualquer um que esteja ocupando o Palácio Thomé de Souza. Teremos sempre como referência o interesse público que defendemos sem vacilações. Nosso compromisso é com uma Câmara Municipal que cumpra suas funções constitucionais que são fiscalizar os atos do Executivo e legislar em defesa dos interesses da população. Nossa candidatura prima pelo debate, respeito à população e não pelo apego a cargos e pontos para os gabinetes. Repito, não barganhamos cargos nem distribuímos favores. Aguardamos que as vereadoras e vereadores participem deste processo de defesa da população e da autonomia da Casa. Defendemos, sim, ideias e ideais e não interesses estranhos ao desejo da maioria da população", finaliza Hilton Coelho.

*Ascom - 22 de dezembro de 2014

Carlos Alberto Carlão de Oliveira - Fenaj-MTE (BA) 1317

Nenhum comentário:

Postar um comentário