segunda-feira, 21 de julho de 2014

Chapa da oposição encontra com o povo na praça

A chapa majoritária da oposição foi às praças encontrar o povo neste final de semana. “É no berço da democracia, nas praças, que eram chamadas de ágora pelos gregos, que transmitimos aos baianos a nossa mensagem de um novo tempo, de uma Bahia pacificada, sem a violência atual, com saúde pública digna e educação de qualidade”, disse o candidato a governador, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, depois de participar de comícios em Serrinha, na noite do último sábado (20), e em Mata de São João, na manhã deste domingo (21).

 Ao lado do companheiro de chapa, Geddel Viera Lima, postulante ao Senado, Paulo Souto também esteve em Feira de Santana, Santanópolis e Lamarão, no sábado, e Cabaceiras do Paraguaçu e Governador Mangabeira, no domingo. “A nossa caminhada é na direção de realizar o sonho dessa nova Bahia, melhor para todos os baianos”, comentou Geddel.
 No corpo-a-corpo, olhando no olho do eleitor, Paulo Souto denunciou a trágica situação da crescente criminalidade na Bahia e a sua determinação de, ao lado de Geddel e Joaci Góes, seu vice, colocar nos eixos a atual nau sem rumo em que se transformou o governo do estado sob o comando petista.
 “O estado está entregue ao crime organizado e o governo não reage à altura. São mais de 150 bancos assaltados este ano, mais de 36 mil baianos assassinadas na gestão de Jaques Wagner”, destacou Paulo Souto, garantindo combater o problema, no comício de Mata de São João que lançou a candidatura a deputado federal de João Gualberto, do qual participaram lideranças locais e regionais, como o prefeito da cidade Marcelo Oliveira, o vereador Elinaldo, de Camaçari, e o ex-prefeito de Cachoeira, Tato Pereira.
 Em Serrinha, em evento político, promovido pelo candidato a deputado estadual Adriano Lima, ex-vice prefeito do município, Paulo Souto foi enfático ao falar da demonstração de independência e coragem dos povos de Salvador e Feira de Santana ao elegerem para prefeitos ACM Neto e José Ronaldo mesmo diante das ameaças e chantagens dos governos estadual e federal sob a direção do PT.
 “As vitórias de ACM Neto e José Ronaldo iniciaram o processo de mudança que vai se consolidar em todo o estado com a minha eleição e de Geddel, no dia cinco de outubro. O PT é um produto de validade vencida e vem causando muito mal a nossa Bahia. Vamos dar um basta nisto!”, afirmou Souto, que, em Serrinha, teve a companhia do prefeito José Ronaldo, dos candidatos a deputado federal Paulo Azi e Zé Chico, além do postulante à Assembleia Legislativa, Heraldo Rocha.
 DATA: 20/07/2014-ASCOM: (71) 9994-4411 / 9695-8501

Nenhum comentário:

Postar um comentário