Postagem em destaque

Comissão quer ouvir ex-secretário de Itabuna sobre carta aberta

O presidente da Comissão de Saúde, Enderson Guinho (PDT), articula a vinda à Câmara do ex-secretário de Saúde de Itabuna, Vitor Lavins...

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Requalificação vai modernizar e ampliar Central de Abastecimento do Malhado

As futuras instalações da Central de Abastecimento atendem aos requisitos básicos de saúde e higiene, e contará com três pavilhões, sendo dois deles com dois pisos e o último com três andares, um dos quais para estacionamento, dando mais conforto e comodidade aos comerciantes e às cerca de 25 mil pessoas que ali circulam semanalmente.

 O projeto de requalificação da Central de Abastecimento do Bairro do Malhado, zona norte de Ilhéus, foi apresentado na manhã desta quarta-feira, dia 11, durante reunião realizada no salão nobre do Palácio Paranaguá, contando com a presença de representantes da sociedade civil organizada, inúmeros comerciantes, vereadores, secretários, além de outros interessados em conhecer as mudanças previstas naquela área, entre os quais o bispo diocesano, Dom Mauro Montagnoli. A obra tem um investimento global previsto de R$ 33 milhões e contará com a participação dos governos federal e estadual, além do municipal, como destacou o prefeito Jabes Ribeiro, ressaltando que, “somente é possível arrecadar dinheiro com bons projetos, e esse da Central de Abastecimento, atende todos os requisitos básicos”.
O presidente da CAR, Vivaldo Mendonça, explicou que as futuras instalações da Central de Abastecimento atendem todos os requisitos básicos de saúde e higiene, e contará com três pavilhões, sendo dois deles com andares superiores e o último com três andares. Segundo Mendonça, o principal objetivo do projeto é promover uma completa requalificação da Central, abrindo novas oportunidades para os comerciantes que ali já estão instalados e facilitando o acesso da população ilheense e da região. Vivaldo Mendonça ainda informou que, a pedido do prefeito Jabes Ribeiro, a CAR já está dando início à elaboração de um projeto de melhoria e requalificação da Central de Abastecimento da Urbis, na zona sul de Ilhéus. 
Boas Perspectivas – A abertura do evento foi realizada pelo prefeito Jabes Ribeiro, que parabenizou a equipe da Companhia de Ações Regionais (CAR), responsável pelo projeto executivo. Mesmo num ano difícil como 2013, o prefeito lembrou que já estão assegurados para Ilhéus, R$ 19 milhões para ser investidos no projeto Viva o Morro, além de mais R$ 43 milhões para a realização do saneamento básico total na Bacia do Pontal (que envolve toda a zona sul), além de já estarem assegurados os recursos e definida a área para a construção do novo Hospital Regional, no Bairro de Banco da Vitória. “Então, as perspectivas para o próximo ano são bem melhores, e é para isso que trabalhamos diuturnamente, para transformar essa realidade”, finalizou.
Também na abertura do evento, o vice-prefeito e secretário de Indústria e Comércio, Carlos Machado (Cacá), que acompanhou todos os procedimentos de levantamentos na Central de Abastecimento, observou que a proposta de requalificação assegura a participação de todos os comerciantes já alocados naquela feira popular. Os três pavilhões irão abrigar todos os 1.517 comerciantes já cadastrados, incluindo os que hoje vendem seus produtos no chão. O vice-prefeito destacou que o objetivo, além de oferecer melhores condições de funcionamento para o comércio local, é transformar aquele local em ponto de atração turística, como ocorre em outros Estados, a exemplo de São Paulo e Sergipe. 
O projeto prevê a cobertura do canal que passa em frente à central, uma antiga reivindicação dos comerciantes e moradores daquela localidade, assim como visa também atender todos aqueles que vendem seus produtos em barracas. Também está prevista a construção de um anfiteatro, a céu aberto, para apresentações culturais, acesso gratuito à internet, instalação de um parque infantil, área para estacionamento (também na parte externa), arborização apropriada, entre várias outras benfeitorias, tudo visando garantir o conforto e a comodidade de comerciantes e das 25 mil pessoas, em média, que circulam pela central, semanalmente.
Ainda durante a apresentação do projeto e após a explanação dos técnicos da CAR, diversos participantes do encontro fizeram sugestões de mudanças e alterações, que deverão ter sua viabilidade analisada para incorporação à proposta de requalificação. Também foi aberto espaço para que os representantes de vários segmentos tivessem a oportunidade de pedir esclarecimentos a respeito da obra, eliminando todas as dúvidas a respeito da proposta. 
 Da - Secretaria de Comunicação (Secom)-Ilhéus – 11.12.13

Nenhum comentário:

Postar um comentário