Postagem em destaque

PREFEITO ANTONIO DE ANÍSIO SOLICITA REFORÇO POLICIAL PARA ITACARÉ

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, se reuniu nesta quinta-feira com o delegado regional da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia...

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

Ilhéus adere a movimento de prefeitos, mas mantém serviços essenciais

O prefeito Jabes Ribeiro decretou ponto facultativo nos setores administrativos das repartições internas e externas da Prefeitura de Ilhéus, nesta sexta-feira, dia 25, no turno vespertino, ficando o expediente, portanto, 8 às 13 horas. Os serviços de educação, saúde e de outras áreas essenciais serão mantidos.
 Em razão da importância que atribui à mobilização dos prefeitos da Bahia defesa do pacto federativo e pela autonomia financeira dos municípios, bandeiras que tem defendido ao longo de sua vida pública, o prefeito Jabes Ribeiro decretou ponto facultativo nos setores administrativos das repartições internas e externas da Prefeitura de Ilhéus, nesta sexta-feira, dia 25, no turno vespertino, ficando o expediente, portanto, 8 às 13 horas. Estão fora da abrangência do decreto as áreas da educação e da saúde, bem como outros  serviços e atividades considerados de natureza essencial, a exemplo de limpeza urbana, iluminação pública e segurança.

O decreto atende à convocação do Movimento SOS Municípios, articulado pela União dos Municípios da Bahia (UPB), Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e demais associações municipalistas que definiu o dia 25 de outubro como a data em que os municípios marcariam sua posição em torno do assunto. Apesar de a convocação ter sido para que as prefeituras baianas fechassem suas portas durante todo o dia, o prefeito ilheense observa que a grave situação que o município atravessa não permite que todas as atividades sejam suspensas.
 Assim, decidiu marcar a posição de Ilhéus, de apoio à mobilização, mas procurou uma forma de evitar prejuízos à população, especialmente nos casos das áreas de saúde e de Educação, que deverão funcionar normalmente, além de outros setores onde a prestação de serviços é essencial. O objetivo do Movimento SOS Municípios é pressionar o Congresso Nacional para que seja dada maior agilidade na apreciação e aprovação de Propostas de Emendas Constitucionais e Projetos de Lei de interesse dos municípios.
No sul da Bahia, o movimento é coordenado pela Associação dos Prefeitos do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc) e a paralisação foi decidida em encontro no dia 9 de outubro, reunindo a Diretoria da UPB, os presidentes das Associações Municipalistas Regionais, presidentes de Consórcios Públicos Intermunicipais e Prefeitos.

Da Secretaria de Comunicação Social

Rua Santos Dumont (Anexo das Secretarias), 4º andar, Centro
(73) 3234 3581 ~ www.ilheus.ba.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário