segunda-feira, 1 de julho de 2013

Construção da nova ponte marca retomada do desenvolvimento de Ilhéus

A assinatura da ordem de serviço para a construção da nova ponte de ligação entre o centro e a zona sul da cidade, feita pelo governador Jaques Wagner, na quinta-feira, dia 27, no salão de convenções do Hotel Praia do Sul, na rodovia Ilhéus/Canavieiras, gerou grande expectativa em toda a população do município. Em praticamente todos os segmentos da sociedade, a autorização para o início da obra foi tratada como um ato histórico e um dos mais importantes dos últimos quarenta anos. Para muitos ilheenses, a nova ponte e a implantação do complexo intermodal (porto-ferrovia-aeroporto internacional) representam a retomada de um novo ciclo de desenvolvimento para o Município.


“Depois da ponte Lomanto Júnior, construída ainda nos anos 60, não tenho lembrança de uma obra tão importante e decisiva para o desenvolvimento urbano de Ilhéus quanto essa. Entendo que a assinatura da ordem de serviço para o início dos trabalhos torna este ‘27 de junho’ um dia absolutamente histórico para todos nós, ilheenses”, comenta o morador do Pontal e proprietário da Banca de Revistas Espaço Cultural, Carlos Augusto Faria.
No mesmo sentido, a balconista Simone Oliveira, que reside no bairro Nelson Costa, comemora a proximidade do fim dos transtornos causados por um único acesso à Zona Sul de Ilhéus. “Ontem, por exemplo, em função das manifestações que aconteceram na cidade, eu tive que ir andando para casa. A construção de uma segunda ponte é uma das melhores notícias dos últimos anos”, enfatiza. O gerente da Ideal Foto, Ronen de Almeida, que reside na Avenida Princesa Isabel, chama atenção para o fato de que, além de beneficiar os moradores de Ilhéus, a nova ponte também vai favorecer às milhares de pessoas que visitam a cidade todos os anos,  bem como as populações de outros municípios, como Una e Canavieiras.
Por sua vez, o morador do Nelson Costa e proprietário da loja Idy Jóias, Uildson José Pereira, parabeniza o projeto, a seu ver, fundamental para melhorar o dia-a-dia da população. “Depois de tanto sofrimento, só nos resta iniciar uma contagem regressiva para que a obra comece e acabe logo. Ninguém agüentava mais. Será a garantia de dias mais felizes e confortáveis para todos nós”, afirma. Também bastante animada com o início iminente da obra, a dona de casa Rejane Martins, que reside no Hernani Sá (Urbis), elogia o governador Jaques Wagner e o prefeito Jabes Ribeiro. “É uma parceria que já começa a dar certo, já começa a trazer frutos positivos para a nossa população. Que venham outras obras”, espera.
Ponte - A ordem de serviço para construção da ponte foi concedida à empresa vencedora da licitação, a Constran S/A Construções e Comércio, cuja obra tem previsão para ser concluída em 24 meses. Esta será a primeira ponte estaiada da Bahia, modelo que permite conciliar aspectos naturais às necessidades de mobilidade da cidade, promovendo o desenvolvimento sustentável, especialmente da atividade turística. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 165 milhões na obra, que inclui outras intervenções urbanas no total de 2,74 quilômetros. O projeto inclui a implantação de vias de acessos, que ainda serão debatidas pela equipe do Departamento de Infraestrutura de Transporte da Bahia (Derba) com os moradores das áreas envolvidas.  
 DA - Secretaria de Comunicação Social (Secom)-Ilhéus – 01.07.2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário