Postagem em destaque

AGU PEDE REJEIÇÃO DE AÇÃO POR DANO MORAL MOVIDA POR LULA

OPERAÇÃO LAVA JATO AGU PEDE REJEIÇÃO DE AÇÃO POR DANO MORAL MOVIDA POR LULA CONTRA DELEGADO DA PF NA AÇÃO O EX-PRESIDENTE PEDE R$ 100 ...

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Construção da nova ponte marca retomada do desenvolvimento de Ilhéus

A assinatura da ordem de serviço para a construção da nova ponte de ligação entre o centro e a zona sul da cidade, feita pelo governador Jaques Wagner, na quinta-feira, dia 27, no salão de convenções do Hotel Praia do Sul, na rodovia Ilhéus/Canavieiras, gerou grande expectativa em toda a população do município. Em praticamente todos os segmentos da sociedade, a autorização para o início da obra foi tratada como um ato histórico e um dos mais importantes dos últimos quarenta anos. Para muitos ilheenses, a nova ponte e a implantação do complexo intermodal (porto-ferrovia-aeroporto internacional) representam a retomada de um novo ciclo de desenvolvimento para o Município.


“Depois da ponte Lomanto Júnior, construída ainda nos anos 60, não tenho lembrança de uma obra tão importante e decisiva para o desenvolvimento urbano de Ilhéus quanto essa. Entendo que a assinatura da ordem de serviço para o início dos trabalhos torna este ‘27 de junho’ um dia absolutamente histórico para todos nós, ilheenses”, comenta o morador do Pontal e proprietário da Banca de Revistas Espaço Cultural, Carlos Augusto Faria.
No mesmo sentido, a balconista Simone Oliveira, que reside no bairro Nelson Costa, comemora a proximidade do fim dos transtornos causados por um único acesso à Zona Sul de Ilhéus. “Ontem, por exemplo, em função das manifestações que aconteceram na cidade, eu tive que ir andando para casa. A construção de uma segunda ponte é uma das melhores notícias dos últimos anos”, enfatiza. O gerente da Ideal Foto, Ronen de Almeida, que reside na Avenida Princesa Isabel, chama atenção para o fato de que, além de beneficiar os moradores de Ilhéus, a nova ponte também vai favorecer às milhares de pessoas que visitam a cidade todos os anos,  bem como as populações de outros municípios, como Una e Canavieiras.
Por sua vez, o morador do Nelson Costa e proprietário da loja Idy Jóias, Uildson José Pereira, parabeniza o projeto, a seu ver, fundamental para melhorar o dia-a-dia da população. “Depois de tanto sofrimento, só nos resta iniciar uma contagem regressiva para que a obra comece e acabe logo. Ninguém agüentava mais. Será a garantia de dias mais felizes e confortáveis para todos nós”, afirma. Também bastante animada com o início iminente da obra, a dona de casa Rejane Martins, que reside no Hernani Sá (Urbis), elogia o governador Jaques Wagner e o prefeito Jabes Ribeiro. “É uma parceria que já começa a dar certo, já começa a trazer frutos positivos para a nossa população. Que venham outras obras”, espera.
Ponte - A ordem de serviço para construção da ponte foi concedida à empresa vencedora da licitação, a Constran S/A Construções e Comércio, cuja obra tem previsão para ser concluída em 24 meses. Esta será a primeira ponte estaiada da Bahia, modelo que permite conciliar aspectos naturais às necessidades de mobilidade da cidade, promovendo o desenvolvimento sustentável, especialmente da atividade turística. Ao todo, serão investidos cerca de R$ 165 milhões na obra, que inclui outras intervenções urbanas no total de 2,74 quilômetros. O projeto inclui a implantação de vias de acessos, que ainda serão debatidas pela equipe do Departamento de Infraestrutura de Transporte da Bahia (Derba) com os moradores das áreas envolvidas.  
 DA - Secretaria de Comunicação Social (Secom)-Ilhéus – 01.07.2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário