Postagem em destaque

Ceplac assinala passagem dos 60 Anos com emoção e compromisso

  A cerimônia que assinalou a passagem dos 60 anos de criação da CEPLAC/MAPA, realizada nesta segunda-feira, 20 de fevereiro no audi...

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Exames gratuitos para rastreamento de câncer de mama são realizados em Ilhéus

O mutirão de combate ao câncer de mama, em Ilhéus, está realizando atendimento e exames gratuitos para mulheres na faixa etária entre 50 e 69 anos, período de maior incidência da doença. Duas unidades móveis equipadas com mamógrafos se encontram instaladas no Centro de Atenção Especializada (CAEIII), antigo SESP (Avenida Canavieiras), funcionando no horário das 8 às 17 horas. A iniciativa é da secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), em parceria com a Secretaria de Saúde (Sesau) da Prefeitura de Ilhéus.    


O programa de rastreamento do câncer de mama foi lançado em Ilhéus, no último sábado, pelo secretário de Saúde baiano, Jorge Solla, e pelo prefeito Jabes Ribeiro, que salientou a importância dos mutirões de saúde para a prevenção de doenças. “Acho que a gente tem que avançar no sentido de promoção de programas permanentes, inclusive buscando maior flexibilidade nas leis para garantir serviços como estes”, destacou o prefeito.
A realização dos exames para o câncer de mama, em sistema de mutirão, vai acontecer em Ilhéus até o dia 28 de junho. As mulheres interessadas devem comparecer à unidade de saúde CAE III portando carteira de identidade e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).   Antes do atendimento, é realizada uma pequena entrevista para identificar requisitos necessários ao exame, como idade e condições clínicas. Mulheres, que estão em tratamento contra câncer, por exemplo, não podem fazer o rastreamento.  
Resultado - Após a triagem é feito o exame de mamografia, que será encaminhado para análise em Salvador. O resultado fica pronto em 30 dais. Caso positivo, a Secretaria Municipal de Saúde encaminha a paciente para a unidade de tratamento conveniada na Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus. A secretária de Saúde de Ilhéus, Ledívia Espinheira, alerta as mulheres para a oportunidade de realizarem o exame de rastreamento. Além das alterações no organismo, a doença também interfere no estado psicológico das mulheres, que, muitas vezes, perdem a autoestima.  
Em Ilhéus, o mutirão de rastreamento do câncer de mana contaria com uma unidade móvel para o atendimento na zona sul, mas por problemas de infraestrutura na rede de energia elétrica, esse veículo também está realizando exames no CAE III.

Secretaria de Comunicação Social (Secom)

Ilhéus – 20.06.2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário