Postagem em destaque

AGU PEDE REJEIÇÃO DE AÇÃO POR DANO MORAL MOVIDA POR LULA

OPERAÇÃO LAVA JATO AGU PEDE REJEIÇÃO DE AÇÃO POR DANO MORAL MOVIDA POR LULA CONTRA DELEGADO DA PF NA AÇÃO O EX-PRESIDENTE PEDE R$ 100 ...

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Professores de Ilhéus cobram salários de dezembro e a 2ª parcela do 13º


Os trabalhadores em educação da rede municipal de Ilhéus realizaram da tarde desta terça-feira (15) uma assembleia no auditório do IME-Centro para discutir sobre o pagamento dos salários do mês de dezembro e também da segunda parcela do 13º salário. A reunião foi presidida pelos diretores da APPI/APLB-Sindicato, Delegacia Sindical Costa do Cacau, Osman Nogueira Júnior e Pascoal João dos Santos, que fizeram um diagnóstico da atual situação com relação aos atrasos dos salários e as informações prestadas por representantes da Prefeitura de Ilhéus com relação aos pagamentos.

O diretor Pascoal João deu os informes sobre o recadastramento dos servidores públicos municipais e falou também do início do pagamento dos salários de dezembro e a 2ª parcela do 13º salário, já que foi veiculada pela prefeitura a informação de que o Município já estaria encaminhando ao Banco do Brasil a folha de pagamento para os servidores da educação. Osman Nogueira Júnior falou de todos os procedimentos que foram adotados pela APPI junto a prefeitura, ao juiz de direito da 2ª Vara de Feitos de Relação de Consumo Civil e Comercial da Comarca de Ilhéus e também à gerência do Banco do Brasil para que os recursos sejam liberados para o pagamento dos salários dos trabalhadores em educação.

Após discussão, uma comissão formada por diretores da APPI e professores se dirigiu à prefeitura com o objetivo de cobrar o encaminhamento da folha de pagamento para o juiz, visando assim agilizar o desbloqueio dos recursos e os pagamentos. Na prefeitura a comissão foi recebida pelo secretário de Administração, Ricardo Machado, que garantiu que a folha de pagamento referente a segunda parcela do 13º e o ofício solicitando o desbloqueio estariam sendo encaminhados ainda na tarde de terça-feira para o juiz de direito, através da Procuradoria Geral do Município.

Também foi cobrado durante a reunião com o secretário Ricardo Machado a resposta ao ofício encaminhado pela APPI/APLB-Sindicato solicitando uma audiência com o prefeito de Ilhéus para a discussão dos salários atrasados, 13º salário e também com relação aos recentes decretos municipais. Ficou decidido ainda pela categoria a realização de uma nova assembleia no próximo dia 22 de janeiro, às 14 horas, no auditório do IME-Centro para avaliar a situação dos pagamentos dos salários e cobrar mais celeridade da justiça na questão do desbloqueio dos recursos.


Da ASCOM - APPI-APLB/Sindicato – Delegacia Sindical Costa do Cacau
Ilhéus – BA
16.01.2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário