Postagem em destaque

PREFEITO ANTONIO DE ANÍSIO SOLICITA REFORÇO POLICIAL PARA ITACARÉ

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, se reuniu nesta quinta-feira com o delegado regional da 7ª Coordenadoria Regional de Polícia...

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Luciano culpa governo do estado por fechamento da Azaléia na Bahia

Salvador – Diante da decisão dos representantes da Vulcabras/Azaleia de fechar 12 plantas industriais de suas 10 filiais localizadas nos municípios de Caatiba, Firmino Alves, Itambé, Itapetinga (com exceção da matriz), Itororó e Macarani, o líder do bloco parlamentar PMDB/DEM na Assembleia, deputado Luciano Simões, lamentou a ausência do governo do Estado no sentido de tentar negociar e impedir a tomada de decisão da fábrica.

“Entendemos que a empresa estava alegando um prejuízo superior a R$ 1 bilhão em todo o grupo, devido aos baixos preços dos calçados importados da China, porém, caberia ao Governo do Estado alguma contra partida fiscal, no sentido de impedir o fechamento das plantas industriais e filiais, localizadas na Bahia. Não adianta agora o Secretario da Indústria, Comércio e Mineração da Bahia (SICM), James Correia, acusar o governo federal de “ineficiente” nas políticas de combate à importação de calçados”, enfatizou Simões. A decisão dos representantes da Vulcabras/Azaleia irá deixar cerca de quatro mil funcionários desempregados.

www.jornaldamídia

Nenhum comentário:

Postar um comentário